Segunda-feira, 19 de Fevereiro de 2007

O desporto, esse mundo ainda tão cristalizado na homofobia...

...de uma homofobia demasiado gritada - demasiado capa protectora (e sobre isto tanto haveria a dizer), ousaria dizer. A verdade é que o desporto ainda é encarado como um reduto másculo em que a homossexualidade é estereotipada como ameaça, como anti-masculinidade. Por isso mesmo, actos de coragem como o que retirei do caderno P2 do Público são importantes, pedradas no charco que tentam desmontar esse estereotipo e mostrar que a homossexualidade nada tem de anti-másculo, aliás nada tem de anti-nada - nem é mais masculina nem mais feminina; é, apenas, diferente.

"John Ameochi decidiu sair do armário"

"Acabaram-se os rumores. O antigo jogador da NBA assumiu a sua homossexualidade. Na biografia Man in the Middle, o britânico de ascendência nigeriana veio causar um abalo no mundo masculino do desporto profissional nos Estados Unidos. "Um mundo homofóbico", acusa. (...) "Os balneários da NBA são a coisa mais extravagante que já vi na vida. Homens a exibirem os seus corpos perfeitos. A vangloriarem-se das suas façanhas sexuais. A enfeitarem-se em frente ao espelho, cheios de água de colónia e a porem carradas de gel no cabelo. Experimentam os seus fatos de 10 mil dólares cada um, admiram os seus anéis e fios. Não podia deixar de pensar: "E eu é que sou o gay"".
:
Abraracourcix o chefe falou sobre: , ,
um discurso de Abraracourcix às 11:57
link do discurso | comentar - que alegre boa ideia!
4 comentários:
De max a 19 de Fevereiro de 2007 às 19:31
Um exemplo dessa homofobia no desporto:

http://gazetaonline.globo.com/esporteonline/basquete/basquete_materia.php?cd_matia=272904&cd_site=843
De Abraracourcix a 21 de Fevereiro de 2007 às 09:40
Pois...esse senhor era referido no artigo que citei, bem como a resposta, eloquente e certeira, de Ameochi: "Finalmente alguém é honesto. Ridículo, absurdo e mesquinho mas honesto". Também gostei que o "chairman" da NBA tenha condenado as afirmações e afirmado que ele nunca mais faria acções de promoção pela Liga.
Para além disso, mais uma razão para o senhor ser infeliz: partindo do princípio que 10% dos homens são homossexuais (estimativa possivelmente subestimada), é mais que provável que no seu balneário haja alguém que o seja...
De cinderela-dos-pes-grandes a 2 de Março de 2007 às 21:14
Nunca hei-de perceber a razão que leva as pessoas a preocuparem-se TANTO com o que os outros fazem na sua privacidade! Qual é a diferença para o JOGO se o jogador ama outro jogador ou a mais jeitosa da claque?
Não há paciência! Não há mesmo! :(
De Abraracourcix a 5 de Março de 2007 às 10:02
O que leva essas pessoas a preocuparem-se tanto é o terror. O terror de não ser "macho", o terror de não corresponder à máscula imagem que lhes vendem, que os convencem que são para assim venderem a imagem de uma equipa (ou de iogurtes, ou de TVs), mas antes fazerem parte de uma "comunidade" que é vista - ou vendida - como a negação dessa masculinidade...
Claro que tudo isto são balelas, como sabemos, mas a pressão social, mediática, o condiciionamento vai todo no mesmo pernicioso sentido.
É tudo isso, a homofobia, o condicionamento, a carneirada, o apontar o dedo, que eu repudio e RECUSO em absoluto.

comentar - começar zaragata



Neste blog é permitido fumar





Be an Ocean Defender

Os melhores javalis


O chefe viu:
   "Nightwatchers", Peter Greenaway

  

 

   "The Happening", M. Night Shyamalan

  

 

   "Blade Runner" (final cut), Ridley Scott

  


O chefe está a ler:
   "Entre os Dois Palácios", Naguib Mahfouz

O chefe tem ouvido:
   Clap Your Hands Say Yeah, Some Loud Thunder

   Radiohead, In Rainbows
 

por toutatis! que o céu não nos caia em cima da cabeça...

As odisseias de Abraracourcix



create your own visited countries map

Abraracourcix o chefe falou sobre

11 de setembro(18)

aborto(28)

admirável mundo novo(5)

aeroporto(3)

afeganistão(1)

alemanha(1)

altermundo(9)

ambiente(14)

amnistia(1)

austrália(1)

birmânia(1)

brasil(1)

camarate(1)

cambodja(1)

cartoons(31)

chile(4)

china(4)

cinema(15)

coreia do norte(4)

cuba(1)

cultura(29)

dakar(1)

democracia(10)

desporto(29)

economia(13)

educação(2)

egipto(1)

espanha(3)

frança(8)

futebol(4)

gaulesa aldeia(20)

h2homo(7)

holanda(4)

hungria(1)

igreja(6)

imigração(3)

incêndios(2)

índia(1)

indonésia(1)

internacional(151)

irão(7)

iraque(18)

irredutíveis gauleses(16)

japão(1)

kosovo(1)

laos(1)

líbano(16)

lisboa(1)

literatura(3)

madeira(2)

mauritânia(1)

media(8)

méxico(1)

música(7)

nacional(102)

nuclear(7)

odisseias(4)

palestina(4)

paquistão(1)

peru(3)

política(13)

polónia(2)

porto(1)

prémios(13)

reino unido(1)

religião(7)

rússia(6)

saúde(13)

síria(1)

sociedade(37)

sócrates(4)

somália(5)

srebrenica(5)

sudão(1)

tailândia(2)

tchetchénia(2)

tibete(5)

timor(2)

todas as estrelas do céu(26)

turquemenistão(1)

turquia(4)

ue(10)

uk(6)

ulster(2)

usa(21)

videos(6)

vietname(1)

zimbabwe(2)

todas as tags

procurar nos discursos

 

discursos recentes

Abraracourcix e a sua ald...

O fim do petróleo - cenár...

Não às detenções secretas

Razões antropológicas par...

Altermundo reaberto

Vive la France

Bem vindos ao Turquemenis...

Break my arms...

Editors

O PCP e o Tibete: a minha...

O PCP e o Tibete: respost...

Mais um pouco de luz para...

Luz ao fundo do túnel par...

Mail por mim enviado ao P...

Eleitoralismo precoce

discursos antigos

Julho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Janeiro 2005

Outubro 2004

Setembro 2004

habitantes: