Quarta-feira, 9 de Janeiro de 2008

Locais onde é permitido fumar

Nas minhas deambulações urbanas pelo Porto, tenho verificado que todos os cafés, restaurantes, etc., desta cidade optaram pela proibição total de fumar. Foi já irritado com isto que descobri duas excepções: o restaurante Shakesbeer e o shopping Parque Nascente, que intoduziram espaços para fumadores.
Decidi então adicionar à barra direita do Altermundo, para condizer com o novo autocolante azul deste liberal espaço, uma lista de locais onde seja permitido fumar. Conto para isso com a vossa ajuda, ilustres e irredutíveis gauleses leitores deste blog, dizendo-me locais - centros comerciais, restaurantes, bares, tascas, qualquer lúgubre tugúrio deste nosso paternal rectângulo - onde saibam que também é permitido fumar.

PS - apelo já agora ao voto nas belas sondagens (pelo menos acho que as cores são bonitas!) que coloquei aqui e onde ainda ninguém participou.
:
Abraracourcix o chefe falou sobre: , ,
um discurso de Abraracourcix às 00:30
link do discurso | comentar - que alegre boa ideia!
18 comentários:
De JoanaTorrado a 9 de Janeiro de 2008 às 10:56
Bom dia.

Parabéns pelo Blog. Está em destaque na Homepage do SAPO e na Página Principal dos Blogs (http://blogs.sapo.pt).

Boa continuação :)
De Mariana a 9 de Janeiro de 2008 às 11:17
Optaram pela proibição de fumar... e fizeram eles muito bem!
Como já se disse várias vezes, esta lei serve para impor regras de boa educação, para aqueles fumadores que viravam o cigarro para a mesa do lado, para a de trás... para qualquer sítio que não os incomodasse, mas aborrecesse os outros.
De sigacafe a 9 de Janeiro de 2008 às 11:18
Eu e o pessoal do sigacafe vimos dar-te os parabéns por seres o destaque da sapo para hoje!
Fica bem,
Jota
De Viktor a 9 de Janeiro de 2008 às 12:57
Muito bem, não conhecia o blog, mas achei interessante.
Certamente passarei a vir cá mais vezes, uma vez que aqui se pode fumar.
Saudações Reikianas - NAMASTÉ.
De Abraracourcix a 9 de Janeiro de 2008 às 15:33
Joana, sigacafe e Viktor: obrigado pela visita e pelos parabéns! Fumando, não fumando, só de passagem ou longamente, espero que voltem ao Altermundo! (e namaste para ti também, Viktor)

Mariana:
Esta lei não tem nada a ver com a boa educação, porque essa não se pode impor por lei - ou se tem ou não se tem, com lei ou sem ela.
Esta lei supostamente serve para defender os direitos de quem não fuma, mas infelizmente fá-lo às custas de quem fuma, que é despromovido a cidadão de 2ª categoria.
Acho muito bem que existam restrições de fumar em espaços públicos, sobretudo por causa dos trabalhadores desses espaços que não têm culpa do fumo dos outros e não têm alternativa (os coutros têm sempre a hipótese de sair do espaço, os trabalhadores não), mas critico os excessos da lei (por exemplo, porque é que não se pode fumar no meio do corredor de um centro comercial? ninguém tralbalha ali, e é um espaço em regra enorme onde o fumo se escapa logo) e a forma como foi aplicada, muito confusa e sem que os necessários esclarecimentos tenham sido prestados. E eu acho que a falta de explicações sobre que sistemas de ar aplicar é propositada, para levar os comerciantes a não optar pela sua instalação e antes pela proibição total do fumo - já que não se podia ou não se quis incluir esta proibição total na lei, para calar críticas, obtém-se o mesmo efeito dissimuladamente.
É isto que eu critico, Mariana, e não o facto de haver espaços não-fumadores. É o facto de os políticos, com a preciosa ajuda dos media, terem de tal forma formatado a forma de pensar da sociedade que qualquer pessoa que pegue num cigarro, hoje em dia, é automaticamente julgada como tendo falta de educação. É o facto de as pessoas estarem de tal forma automatizadas que se sentem compelidas a tornarem-se delatoras.
É o advento da nova sociedade paternalista (à semelhança do que era há 33 anos e da qual muitos, muitos mais do que os que o admitem, têm saudades), policial e higienizada à força. É com isto que eu não posso.
De P. DelaCroix a 10 de Janeiro de 2008 às 00:44
Bem dito.
Fumar é um vício, um mau vício, é certo (como tudo o que o é), mas que nada tem a ver com educação.

Como fumadora, das que não fez promessas de deixar o vício no novo ano, gostei do post e virei aqui "bisbilhotar" para ver se há mais dicas de locais à moda antiga: onde se fuma um cigarro após o café de uma boa jantarada!
De Mariana a 10 de Janeiro de 2008 às 09:18
Gostei principalmente deste argumento: "os outros têm sempre a hipótese de sair do espaço"...
Claro que tinham. Agora, os fumadores têm sempre a hipótese de ir fumar para a rua!!

Obviamente que não é uma lei que impõe boa educação. Mas eu referia-me apenas àqueles fumadores que acediam o cigarro e o viravam qualquer sítio, excepto para si mesmo. Quem estava ao lado é que levava com o fumo, com o cheiro... Desculpe, mas isto para mim é falta de educação.
E já agora, para entrar nos argumentos que têm vindo a ser usados, falta de respeito pela liberdade dos não fumadores!
De anónimo - galo-romano a 9 de Janeiro de 2008 às 18:03
O Blog de Francisco José Viegas http://origemdasespecies.blogs.sapo.pt/ já tem uma boa lista dos locais onde se pode fumar.
De PurpleFeelings a 9 de Janeiro de 2008 às 21:35
:D
Desde o Inicio dos tempos que foram perseguidos cristãos, ateus, judeus, Cientistas etc.
Agora, Perceguem.se fumadores !

Nós, fumadores tórnamos-nos os excluidos da Sociedade :S

Feel Free to Smoke next To me :D
De sa a 9 de Janeiro de 2008 às 23:35
não podia deixar de comentar... durante estes anos todos, os não fumadores foram despromovidos a cidadãos de segunda, sem culpa nenhuma! se alguém tem que ser despromovido, que sejam os fumadores, que o escolhem ser.. não os outros.
se acha que nos corredores de um centro comercial o fumo se dissipa rapidamente está enganado. pode não ficar lá muito tempo, é certo, mas é o suficiente para incomodar quem deseja não ser fumador.
quem quer fumar, continua com essa opção. a melhoria é que quem não quer fumar, agora jã não precisa de o fazer passivamente!
a maioria dos fumadores são mal educados sim. dizer que 'eu não sou, se alguém me pedir apago logo o cigarro' ou coisas do género não adianta. o ideal teria sido nem ter que pedir. não adianta haver espaços para fumadores e não fumadores, se o fumo se espalha e se as cadeiras estão umas ao lado das outras.
sinceramente, não percebo a reacção de alguns fumadores a esta lei.. a não ser como sendo uma reacção egoísta.. que aliás, é o que sempre se demonstrou. enfim.
De Abraracourcix a 10 de Janeiro de 2008 às 11:18
PurpleFeelings: obrigado pelo convite sedutor ;)

sa:
"pode não ficar lá muito tempo, é certo, mas é o suficiente para incomodar quem deseja não ser fumador. "
Eu usei este argumento precisamente porque sou não fumador, e nunca me senti minimamente incomodado com quem fuma no meio do corredor de um centro comercial. Parece-me que é mais um daqueles argumentos inculcados psicologicamente: conheço muita gente que até se começar a discutir esta lei nunca se tinha sentido incomodada, e agora descobriu que sim! Porquê? Porque é agradável soltar o "pequeno salazar" dentro de cada um de nós, eis porquê...
Este argumento apenas visa criticar o exagero da lei. Já disse antes que concordo com a delimitação de espaços, apenas acho um exagero algumas alíneas (como a que citei) e, acima de tudo, a confusão propositada, o zelo exagerado que se pretende inculcar na sociedade para que mesmo ainda permitido a criação de espaços de fumo seja o mais desencorajadora possível.

P. DelaCroix:
A minha ideia não é criar uma lista exaustiva de locais onde se pode fumar, que para isso já há outras listas por aí, como a citada pelo desconhecido, o blog A Origem das Espécies. O que pretendo é uma lista de locais "de todos os dias", ou seja, que não inclua restaurantes ou espaços mais ou menos chiques, mas antes sítios onde pessoas vulgares, das que fazem contas ao fim do mês, possam ir com regularidade, mais familiares. Se alguém quiser dar dicas...

Mariana:
É óbvio que as pessoas de que falas eram algo mal educadas (embora, acredita, muitas pessoas que faziam o gesto que criticas não o façam de propósito), mas essas continuarão a sê-lo. E se não for com o fumo hão-de encontrar outra forma qualquer... Quanto ao resto, já tentei responder mais acima.
De alive a 10 de Janeiro de 2008 às 11:58
Parabéns pelo Blog.
Eu não sou fumador e até nem posso apanhar muito fumo, mas acho que há alguns exageros.
Para mim cafés e restaurantes acho muito bem que não se fume, e até acho falta de respeito tar a comer um bolo e tomar um cafe com fumo a ir para cima de mim. Agora sítios como centros comerciais acho que devia haver uma certa tolerância e certos bares poderem optar livremente pela esciolha de fumadores ou não fumadores.
Como disse não sou fumador mas respeito quem o é e não gosto de extremismos.
De Abraracourcix a 10 de Janeiro de 2008 às 15:43
Obrigado :)
Quanto ao comentário, concordo inteiramente contigo. É exactamente assim.

comentar - começar zaragata



Neste blog é permitido fumar





Be an Ocean Defender

Os melhores javalis


O chefe viu:
   "Nightwatchers", Peter Greenaway

  

 

   "The Happening", M. Night Shyamalan

  

 

   "Blade Runner" (final cut), Ridley Scott

  


O chefe está a ler:
   "Entre os Dois Palácios", Naguib Mahfouz

O chefe tem ouvido:
   Clap Your Hands Say Yeah, Some Loud Thunder

   Radiohead, In Rainbows
 

por toutatis! que o céu não nos caia em cima da cabeça...

As odisseias de Abraracourcix



create your own visited countries map

Abraracourcix o chefe falou sobre

11 de setembro(18)

aborto(28)

admirável mundo novo(5)

aeroporto(3)

afeganistão(1)

alemanha(1)

altermundo(9)

ambiente(14)

amnistia(1)

austrália(1)

birmânia(1)

brasil(1)

camarate(1)

cambodja(1)

cartoons(31)

chile(4)

china(4)

cinema(15)

coreia do norte(4)

cuba(1)

cultura(29)

dakar(1)

democracia(10)

desporto(29)

economia(13)

educação(2)

egipto(1)

espanha(3)

frança(8)

futebol(4)

gaulesa aldeia(20)

h2homo(7)

holanda(4)

hungria(1)

igreja(6)

imigração(3)

incêndios(2)

índia(1)

indonésia(1)

internacional(151)

irão(7)

iraque(18)

irredutíveis gauleses(16)

japão(1)

kosovo(1)

laos(1)

líbano(16)

lisboa(1)

literatura(3)

madeira(2)

mauritânia(1)

media(8)

méxico(1)

música(7)

nacional(102)

nuclear(7)

odisseias(4)

palestina(4)

paquistão(1)

peru(3)

política(13)

polónia(2)

porto(1)

prémios(13)

reino unido(1)

religião(7)

rússia(6)

saúde(13)

síria(1)

sociedade(37)

sócrates(4)

somália(5)

srebrenica(5)

sudão(1)

tailândia(2)

tchetchénia(2)

tibete(5)

timor(2)

todas as estrelas do céu(26)

turquemenistão(1)

turquia(4)

ue(10)

uk(6)

ulster(2)

usa(21)

videos(6)

vietname(1)

zimbabwe(2)

todas as tags

procurar nos discursos

 

discursos recentes

Abraracourcix e a sua ald...

O fim do petróleo - cenár...

Não às detenções secretas

Razões antropológicas par...

Altermundo reaberto

Vive la France

Bem vindos ao Turquemenis...

Break my arms...

Editors

O PCP e o Tibete: a minha...

O PCP e o Tibete: respost...

Mais um pouco de luz para...

Luz ao fundo do túnel par...

Mail por mim enviado ao P...

Eleitoralismo precoce

discursos antigos

Julho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Janeiro 2005

Outubro 2004

Setembro 2004

habitantes: