Quarta-feira, 19 de Março de 2008

Flames to dust... Arthur C. Clarke (1917-2008)

siseneG

And God said: 'Lines Aleph Zero to Aleph One - Delete'.
   And the Universe ceased to exist.
Then She pondered for several aeons, and sighed.
'Cancel Programme GENESIS', She ordered.
   It never had existed.


Este pequeno conto acima bem podia ser o epitáfio de Arthur C. Clarke, que deixou de existir ontem, aos 90 anos. Claro que ele nunca deixará de existir - o seu nome sobreviverá sempre, como autor de ficção científica, como nome de asteróide, como nome de órbita geoestacionária.
Acima de tudo, a sua influência sobre tantos que leram os seus livros e contos, tantos que viram os filmes inspirados no que escreveu, ficará.
Incluo-me nesse grupo. Posso mesmo dizer que foi Arthur C. Clarke que me mostrou o que era, ou o que podia ser, a ficção científica, que me ensinou a amá-la. Ele é, para mim, a própria definição de ficção científica: não o mero desenrolar de fantasias futurísticas, mas uma chave para, através do entrever de possíveis futuros do Homem, nos fazer pensar em questões políticas, metafísicas, religiosas - da guerra fria ao racismo, da consciência do lugar do Homem no Universo à própria noção de deus.
Em honra desse talvez meu primeiro grande ícone da literatura (porque enquanto a maior parte da ficção científica talvez não seja por muitos considerada literatura, a obra de Arthur C. Clarke é uma das honrosas excepções), que tanto me ensinou, tanto me fez pensar, que moldou tanto da forma como penso, das coisas em que penso, tanto daquilo que sou hoje, em honra de Arthur C. Clarke hoje o Altermundo veste-se de negro, não só como sinal de pesar mas também em honra dos mundos que nos deu a descobrir.
Também Assurancetourix na sua cabana decidiu honrá-lo, mudando por hoje a banda sonora de fundo desta aldeia. Para além disso, fica a imagem da capa da colectânea de todas as suas curtas histórias, perto de 1000 páginas que comprei há anos e nunca acabei de ler - o que me comprometo agora a fazer, junto com alguns dos seus livros que ainda não li.
Para quem esteja curioso sobre a sua obra, aconselho a começarem não pelo óbvio 2001 e sequelas, mas pela trilogia Rama - Rendezvous with Rama, The Garden of Rama e Rama Revealed. Passem depois por Childhood's End, The Songs of Distant Earth e The Fountains of Paradise, e a vossa percepção do Universo, do mundo, do Homem, de vocês próprios, terá mudado para sempre.
:
Abraracourcix o chefe falou sobre: , ,
um discurso de Abraracourcix às 17:41
link do discurso | comentar - que alegre boa ideia!


Neste blog é permitido fumar





Be an Ocean Defender

Os melhores javalis


O chefe viu:
   "Nightwatchers", Peter Greenaway

  

 

   "The Happening", M. Night Shyamalan

  

 

   "Blade Runner" (final cut), Ridley Scott

  


O chefe está a ler:
   "Entre os Dois Palácios", Naguib Mahfouz

O chefe tem ouvido:
   Clap Your Hands Say Yeah, Some Loud Thunder

   Radiohead, In Rainbows
 

por toutatis! que o céu não nos caia em cima da cabeça...

As odisseias de Abraracourcix



create your own visited countries map

Abraracourcix o chefe falou sobre

11 de setembro(18)

aborto(28)

admirável mundo novo(5)

aeroporto(3)

afeganistão(1)

alemanha(1)

altermundo(9)

ambiente(14)

amnistia(1)

austrália(1)

birmânia(1)

brasil(1)

camarate(1)

cambodja(1)

cartoons(31)

chile(4)

china(4)

cinema(15)

coreia do norte(4)

cuba(1)

cultura(29)

dakar(1)

democracia(10)

desporto(29)

economia(13)

educação(2)

egipto(1)

espanha(3)

frança(8)

futebol(4)

gaulesa aldeia(20)

h2homo(7)

holanda(4)

hungria(1)

igreja(6)

imigração(3)

incêndios(2)

índia(1)

indonésia(1)

internacional(151)

irão(7)

iraque(18)

irredutíveis gauleses(16)

japão(1)

kosovo(1)

laos(1)

líbano(16)

lisboa(1)

literatura(3)

madeira(2)

mauritânia(1)

media(8)

méxico(1)

música(7)

nacional(102)

nuclear(7)

odisseias(4)

palestina(4)

paquistão(1)

peru(3)

política(13)

polónia(2)

porto(1)

prémios(13)

reino unido(1)

religião(7)

rússia(6)

saúde(13)

síria(1)

sociedade(37)

sócrates(4)

somália(5)

srebrenica(5)

sudão(1)

tailândia(2)

tchetchénia(2)

tibete(5)

timor(2)

todas as estrelas do céu(26)

turquemenistão(1)

turquia(4)

ue(10)

uk(6)

ulster(2)

usa(21)

videos(6)

vietname(1)

zimbabwe(2)

todas as tags

procurar nos discursos

 

discursos recentes

Abraracourcix e a sua ald...

O fim do petróleo - cenár...

Não às detenções secretas

Razões antropológicas par...

Altermundo reaberto

Vive la France

Bem vindos ao Turquemenis...

Break my arms...

Editors

O PCP e o Tibete: a minha...

O PCP e o Tibete: respost...

Mais um pouco de luz para...

Luz ao fundo do túnel par...

Mail por mim enviado ao P...

Eleitoralismo precoce

discursos antigos

Julho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Janeiro 2005

Outubro 2004

Setembro 2004

habitantes: